Suspeito de provocar explosão em Lyon é preso

O ministro do Interior da França, Christophe Castaner, anunciou a detenção de um suspeito pela explosão que deixou 13 feridos em Lyon, a terceira maior cidade francesa, na sexta-feira (24).

A polícia procurava um homem, com uma mochila, que foi filmado enquanto andava de bicicleta perto do local da explosão.

Um artefato explosivo TATP (triperóxido de triacetona), com bolinhas de gude e peças de metal, foi colocado diante de uma padaria na esquina de duas ruas muito movimentadas do centro histórico de Lyon por volta das 17h40 (12h40, no horário de Brasília) de sexta-feira.

As autoridades francesas investigam o caso como um possível atentado. O presidente Emmanuel Macron considerou a ação “um ataque”.

Treze pessoas – oito mulheres, uma menina de 10 anos e quatro homens – ficaram feridas. Onze delas precisaram ser internadas.

 — Foto: Fernanda Garrafiel/G1 — Foto: Fernanda Garrafiel/G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *